Desidratador solar de bandeja



Desidratar alimentos com fontes não renováveis é coisa do passado

Desde os tempos remotos, antigas sociedades já usavam o sol para desidratar alimentos, pois naquela época não havia refrigeradores ou geladeiras. Faziam isso pois sabiam que o sol é uma fonte inesgotável de energia, disponível para ser captada e armazenada.


Desta forma surgiu a ideia do Desidratador Solar de Bandeja, que a Marcenaria de Caçamba "desembolou" em uma oficina feita para as mulheres da nossa região e de outros lugares do Brasil.

Mulheres "botando a mão na massa"

A função deste equipamento é retirar água das frutas, legumes e vegetais por meio do ar quente, em temperaturas inferiores à da ebulição da água. Este alimento poderá ser usado no lanche das crianças, para levar para o trabalho, para os passeios do final de semana ou para onde quiser.


Esquema de funcionamento do desidratador solar
 Cada alimento tem o seu tempo de secagem. Pela nossa experiência, dá para secar em um dia alimentos como: Manga, caqui, banana, goiaba e carambola. Também é possível desidratar vegetais e legumes. Beterraba, cenoura, nabo, jiló, chuchu, pepino, tomate e berinjela.

Cuidado com as pessoas é um principio que praticamos no nosso dia á dia. Nossos desidratadores solares estão livres de Componentes Orgânicos Voláteis (COV’s) e outras combinações químicas danosas, encontradas nas tintas de esmalte acrílico comumente usadas. O pigmento usado neste equipamento é feito com uma mistura de carvão e grude de mandioca. O acabamento externo é feito à base de verniz goma laca indiana  diluído em álcool.
Tintas de lata são tóxicas, por isso usamos pigmentos de origem natural
Usamos aqui grude de mandioca como aglutinante
Quais as vantagens da desidratação de alimentos?
  •          Aumento da vida útil do alimento;
  •          Facilidade de transporte e comercialização, uma vez que sua qualidade permanece inalterada por um bom período de tempo;
  •          Baixo custo de operação;
  • Diminuição de perdas da colheita.
Ao final da atividade, cada participante levou para casa o equipamento que ele mesmo montou.
Olha a cara de felicidade dos participantes. Grato Gustavo, por ser o "bendito é o fruto" da turma.
Se você se interessou pelo equipamento, aceitamos encomendas. Agora, se você curte o esquema "faça você mesmo", posso te passar uma video aula com o passo a passo da montagem de um desidratador livre de COV's, por uma pequena contribuição financeira. Para isso, basta entrar em contato que terei grande prazer em encaminhar o link de acesso.

Um comentário :